Fakes no espaço: crônicas do ANS - Temporada 1: Capítulo 1 (O visitante)

"Gizpace, espaço profundo, a fronteira final… Essas são as histórias da nave estrelar USS Fakohvia (ANS-1701) na busca pela rolha suprema perdida fechará o terrível buraco estrelar criado pelo o malvado imperador Lupus Laposus III, o piruletante, do universo espelho, para consumir toda a paz e paciência dos fakes do nosso universo e congelá-las nas geleiras árticas de seu planeta solitário."

Apresentando:

  • MalcriadoRJ, como Mr. J. kirk, o velho capitão da nave USS Fakohvia (ANS-1701). FDP de carteirinha, capitão kirk é conhecido pela sua sagacidade e capacidade superior de criar joguetes e armadilhas para trucidar fakes e gente chata. Ele e sua tripulação são a última esperança no universo conhecido para derrotar os raios de cholo e buracos criados pelo Laposus.
  • Hal-Nacho, como Ten. S.A.D., um robô depressivo dotado de grande poder computacional e inteligência superior. Sua única fraqueza é a E.S.P.O.S.A. 
  • Monkey, como Sg. Monkey, um engenheiro militar capaz de construir armas de toda natureza e com tecnologias diferentes. Ficou famoso na frota estrelar por haver desenvolvido a arma [P][N][C][D][F], uma versão modificada do tradicional PNCDF que é capaz de cercar inimigos e destroçá-los de forma colaborativa. 
  • Jaca, como Jaca, The Hutt, um comerciante nojento e safado que foi teleportado por engano de outro universo para a Fakóvia numa experiência mal sucedida. Apesar disso, suas capacidades de enganar e negociar com os outros vem sendo de grande valia para a frota estrelar. Já conseguiu negociar com fakes de diversas civilizações e conseguiu suprimento eterno de upvotes para alimentar os motores da Fakóvia. 
  • Avohai, como Ten. Taradonis, oficial médico da tripulação. Conhece receitas e medicamentos para curar gente chata de toda natureza e é um dos poucos que já viu o Laposus de perto e conseguiu escapar ileso. 
  • Kodos Otros, como Kokodos, um contrabandista intergalático que percorre o universo trocando e vendendo peças em sua nave sucateada.
Convidado Especial:
  • Raposão do Ártico, como Sua Majestade Imperial Lupus Laposus III, entidade que dominou o universo espelho. Nasceu com uma mutação que evoluiu para uma arma natural que sugava toda a paz e paciência de seres vivos e lhe concedia energia para continuar sua saga de choro e piruletagem. 

Capítulo I: o visitante

Ano Estrelar 3892. Próximo a Plutão, um evento celeste incomum desperta a atenção dos fakes que patrulhavam no posto avançado em Urano. Uma distorção gravitacional começava a tirar o antigo planeta de sua órbita e afastá-lo levemente em direção ao espaço exterior. Preocupados com a anomalia, o Gen. Marcocogro embarca na nave estrelar USS Deditos (sim, deditos) com sua tripulação de 220 almas para investigar o ocorrido. 

Ao se aproximar de Plutão, a nave começa a perder o controle. O motor de upvotes começa a ter o seu contador diminuído e as pessoas no interior da nave parecem não entender uns ao outros e passam a se irritar facilmente. Quando o General percebe o problema, já é tarde demais e um maior ainda aparece no horizonte do planeta. Lá está ele: um enorme buraco de cor negra pendia do infinito. 

De dentro do buraco, uma figura horripilante tomava forma ao sair da singularidade. Lembrava uma Raposa terrestre, mas parecia também com um Lobo-Guará. Só que era disforme e atrás dele havia um objeto que sugava tudo ao redor - grande, negro e estriado - e despertava o terror na sua chegada.

Mais e mais os tripulantes ficavam irritados e desorientados até que a nave começava a perder o controle e viajar em direção ao objeto. Percebendo que a coisa ia ficar feia o Ten. Taradonis, oficial médico da nave, ocupado com a médica substituta, cai assustado da cama e observa:

- Tamu fudido. Vou pular fora.

O tenente, que por uma razão desconhecida não sofria dos efeitos daquela entidade, apressou o passo para um módulo de fuga, traçou sua rota para o planeta Giz-Mordor (Centro da Sociedade Interplanetárias dos Fakes) e iniciou o lançamento. 

Em sua viagem de fuga, ao longe, via a USS deditos sendo sufocada por um mar de lágrimas ácidas e depois sugada para a escuridão do objeto desconhecido.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Review: Fone de urêia Sennheiser GSP 300

Review: Mi Bluetooth Speaker